Não Tente Isto em Casa

Profissional X Amador

O treinamento cerebral é baseado em experiência. Você não o aprende lendo sobre o assunto ou fazendo cursos ou assistindo palestras. Você aprende fazendo. Já que existe uma pequena curva de aprendizado, assim como qualquer nova tecnologia, faz sentido que o profissional tenha muito mais experiência e, desta maneira, melhores resultados. E se a competência demonstrada for um requerimento para vender seus serviços, talvez isso seja verdade.

Tenho trabalhado com centenas de treinadores ao longo dos anos – ensinando-os, supervisando-os e os consultando. Acredito que nomearia um pouco mais de 10 que eu considero grandes treinadores – pessoas as quais eu levaria um amigo próximo ou um membro da família. Quando eu estava gerenciando os Programas de Desenvolvimento de Atenção (Attention Development Programs) em Atlanta nos anos 90, nós tínhamos 3 ou 4 escritórios durante a maior parte destes 10 anos. Eu fiz todo o treinamento em um dos escritórios e contratei treinadores para cuidar dos outros com meus planos de treinamento e sob minha supervisão. Alguns deles voltaram para a escola, ou se mudaram para outra cidade com os maridos, ou cansaram do treinamento, então eu estava sempre buscando candidatos. Era importante para mim entender o que fazia bons treinados serem ótimos. Eu estudei sobre o assunto e continuo estudando até hoje.

O que faz um grande treinador

Eles treinam o próprio cérebro PRIMEIRO. Assim como você não contrataria um técnico de beisebol que nunca tenha jogado beisebol, um treinador que nunca trabalhou em prol de seus próprios objetivos treinando seu cérebro estaria automaticamente fora da minha lista. Ou este treinador acredita que seu cérebro já está perfeito ou ele não acredita que o treinamento seja válido.

Eles são, primeiramente e mais importante, treinadores. Eles têm habilidades tecnológicas, mas não são técnicos. Eles não categorizam ou julgam – até mesmo se o treinamento profissional deles os guiassem para esta direção. Eles aceitam os clientes na medida que eles os procuram, auxiliam eles a traçar metas e trabalhar para alcançá-las, motivam-nos (às vezes com um tapinha nas costas; às vezes com um empurrãozinho), ajudam eles a ver seu progresso e dão a eles crédito pelos resultados alcançados.

Conselheiros e terapeutas podem ser grandes treinadores – bem como professores, técnicos, pais e amigos. O treinamento cerebral não é psicoterapia, embora para alguns tipos de problema esta habilidade é um elemento útil no treinamento.

Treinadores caseiros

As duas coisas que digo para pessoas interessadas no treinamento caseiro são:

  1. Você precisa de alguém de casa que seja organizado e motivado o suficiente para certificar-se de que o treinamento aconteça. Nós chamamos esta pessoa de TI – Treinador Identificado. Sem um TI, o equipamento caro acabará naquela prateleira do armário junto com todas as outras coisas bacanas que você comprou… e depois nunca usou.
  2. O TI não pode estar constantemente em guerra com a pessoa que irá treinar. Se a mãe quer ser a treinadora da sua filha rebelde de 16 anos, as chances são de que o treinamento será mais uma frente de guerra.

Eu digo para treinadores leigos e profissionais (depois de anos de árdua experiência): Se você não consegue sentir-se confortável com um computador e com o Windows, NÃO COMEÇE. Se você teme ou fica confuso com computadores, se eles nunca parecerem funcionar corretamente para você, aprender o treinamento cerebral será como tentar aprender álgebra em uma língua estrangeira. De verdade, não é difícil de aprender. Aprenda a lidar com isso ou ache alguém para cuidar da parte tecnológica que vá além de simplesmente abrir uma sessão e executá-la.

Esteja ciente de que é cem vezes mais fácil treinar qualquer indivíduo do que treinar você mesmo. Tentar ser o cliente e o treinador ao mesmo tempo nunca deixará você ser o cliente. Se você quiser treinar seu filho, peça para ele ser o SEU treinador. Isto muda toda a dinâmica do treinamento. Não seria “você tem que fazer isso porque você está doente.” Mas sim “eu quero que isso tente me ajudar a controlar melhor meu temperamento (ou o que seja). Você aprenderia isso comigo, e então seria meu treinador?”

Você pode treinar a si mesmo? Eu o fiz e ainda faço. Muitos dos nossos clientes o fazem.

Casa ou Profissional

A logística é um problema crítico. Você está mais propenso a fazer o treinamento com um profissional em horário pré-agendado ou tentaria encaixar uma sessão quando tiver um horário livre? Você pode dispor de tempo para fazer duas sessões por semana?

Uma outra consideração a ser feita é com os sistemas relacionados com a família. Quando mais pessoas que treinam em um sistema ao mesmo tempo, mais fácil são as mudanças. A questão financeira e o horário são mais fáceis na clínica do profissional – ou personalizado de acordo com a rotina da família.

Você está disposto a comprometer-se com a compra do sistema, aprender a usá-lo e permanecer no caminho certo com o treinamento? Ou você prefere pagar para um profissional te guiar na jornada e providenciar o que você precisa?

Mantenha em mente que se você está motivado e aberto ao treinamento, você pode obter grandes resultados treinando seu próprio cérebro. Do contrário, encontre alguém de seu agrado para treiná-lo.

Peter Van Deusen

Peter Van Deusen tem treinado cérebros (incluindo o seu próprio) e treinadores desde 1992. Seu compromisso é em tornar a sofisticada tecnologia de neurofeedback acessível a usuários profissionais e leigos.

Peter Van Deusen

Peter Van Deusen tem treinado cérebros (incluindo o seu próprio) e treinadores desde 1992. Seu compromisso é em tornar a sofisticada tecnologia de neurofeedback acessível a usuários profissionais e leigos.

Compartilhe

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

Criada em 1994 por Peter Van Deusen, a Brain-Trainer International (BTI) é uma empresa que oferece um sistema completo para treinadores de neurofeedback: aparelhos, programas e cursos de formação e aprimoramento.

Post recentes

Siga-nos

Youtube